Magia egipcia, ritual da última viagem com Ré, ritual dos mortos

Ritual da última viagem com Ré

Portal a&eRitual dos mortos, Ritual da última viagem com Ré

O Egipto antigo era o país da magia, e dos magos, o uso da magia era muito natural em todas as classes sociais, desde o agricultor até ao Faraó.

As suas práticas mágicas ou de bruxaria decorriam da sua própria visão do mundo, onde a ordem e a segurança estavam constantemente ameaçadas pelas forças destruidoras. Era por isso necessário combatê-las afim de proteger o reino e seus habitantes.

A Administração Central praticava assim muito frequentemente e oficialmente os feitiços para embruxar os potenciais inimigos do reino.

A nível individual, as pessoas recorriam com frequência à bruxaria (e à magia negra) para se proteger dos inúmeros perigos que os ameaçava. Nessa época, a Deusa leoa Sekhmet e seus enviados, era muito temida, pois propagava as epidemias.

 

Quando os Deuses, os mortos e outras entidades entravam nos corpos, causavam graves distúrbios nos que assim ficavam possuídos. A magia lutava contra a doença, o sofrimento e a morte. Mas se a morte surgia, o indivíduo estava protegido graças á magia, que lhe assegurava a vida eterna.

A magia egípcia tem um grande complexo de crenças fundadas na reincarnação e na capacidade de ver uma Deidade em todas as coisas vivas e inanimadas.

A Magia Egípcia, chegou até nós, até aos nossos dias através do “Livro dos Mortos”, um Grimório recheado de feitiços e encantamentos, de rituais para afastar o perigo e o mal ao longo da grande viagem da alma no outro mundo.

Eis o Ritual da última viagem com Ré

  MATERIAL NECESSÁRIO:

 – Um galho de verbena;

– Um pedaço de angélica;

– Um punhado de terra apanhada ao pé do túmulo do defunto.

  RITUAL:

 

Lance os ingredientes em cima do túmulo do ente querido, começando pela verbena, depois a angélica e enfim o punhado de terra, e diga:

“Eu invoco a Rê  Horakhti,

Que ouça a minha prece e aceite a minha mensagem,

Em nome de (nome do defunto),

Que uma injunção e a magia arrasem por mim o espírito do mal,

Afim que (nome do defunto) possa ocupar lugar em frente ao horizonte,

E o possa contemplar.

Os montes de areia tornar-se-ão vilas,

E as vilas montes de areia e … (nome do defunto),

 conhecerá a paz eterna”.

Portal a&e Voltar ao tema:

Simpatias Amor | Amarrações | Encantamentos | Simpatias ciganas | Wicca |

Simpatias & magias egípcias | Banhos mágicos | Amuletos & Talismãs |

Simpatias Dinheiro & Prosperidade | Incensos mágicosSimpatias angelicais |

Simpatias para engravidar |

(Visited 5.285 times, 1 visits today)
Partilhe, recomende e vote neste artigo
Artigos relacionados